Fly away DJI Phantom como evitar


Fly away, é o medo que persegue todos que tem um DJI Phantom, e acaba amedrontando e muito quem pensa em comprar um, afinal Fly away pode significar perder o equipamento e todos os seus acessórios, ou seja um prejuízo imenso, pensando que o Phantom pode estar equipado com uma GoPro, Gimbal, FPV, etc tudo isso pode ultrapassar fácil a casa de 5 mil reais.

E para quem não conhece o termo, dizer que sofreu um “fly away”, é quando o equipamento não responde mais os seus comando de rádio e simplesmente voa a exmo, em resumo cria vida própria e voa sem destino algum e só vai parar quando as baterias acabam ou quando bate em algum obstaculo, para entender melhor confira o vídeo abaixo o exemplo de um Dji Phantom.

Phantom Fly Away


No vídeo acima, o senhor acabou mergulhando o seu Phantom no lago no primeiro voo.

Como evitar Fly Away no Phantom

Existe muita discussão em fóruns e redes sociais a respeito dos temidos fly away do Phantom, em alguns casos simplesmente não existem muitas explicações do que pode ter acontecido, porém existe um certo consenso de que em muitos caso o motivo do Fly Away veio a acontecer devido a alguma falha por parte do piloto.

E os erros podem ser inúmeros, vamos tentar relacionar alguns desses erros:
– Voar em locais com possibilidade de interferências: No próprio manual do Phantom existe uma forte recomendação para voa somente em locais abertos, longe de interferências como redes wi-fi ou de linhas de alta tensão, e é comum encontrar vídeos de Fly Away no qual o operador esta voando entre prédios, ou próximo a redes de alta tensão ou de torres de celular por exemplo;

– Não marcar o home point: Para voar no modo GPS é fundamental antes de decolar aguardar que o Phantom possa localizar no mínimo 6 satélites para que assim marque seu home point e assim possa voar de forma segura, em alguns casos observa-se que o operador simplesmente liga a bateria no Phantom e já sai decolando, nestes casos as chances de acontecer algo errado são bem grandes, abaixo segue vídeo a respeito dos primeiros passos e como marcar o home point do Phantom antes de decolar e voar no modo GPS.

– Perda de referência:Alguns usuários, principalmente os iniciantes, na ansiedade de voar, acabam não lendo e estudando o equipamento, e não tem ciência que o aparelho tem uma frente e uma parte traseira, e caso não esteja ativado a função home lock, ao girar o Phantom existe a inversão dos comandos do controle, ou seja, a direita vira esquerda e a frente vira atrás, e com isso usuários mais leigos e iniciantes acabam se perdendo e ao invés de trazerem o phantom para eles na verdade estão o afastando cada vez mais e com isso perdem contato visual, e acabam cometendo inúmeros outros erros devido ao nervosismo.

Em resumo, não existe uma solução definitiva para não sofrer um Fly away, no entanto seguir todos os cuidados existentes no manual, e fazer as operações recomendadas, especialmente antes do voo, com certeza diminuem e muito as chances de ser uma vítima de Fly away com o Phantom.

92 comentários em “Fly away DJI Phantom como evitar

  • 29 de julho de 2014 a 19:42
    Permalink

    Digo a todos se existe sensação ruim maior que a perda do controle do drone ainda não passei, pois hoje ocorreu o temido Fly Away e posso relatar a todos é muito ruim.

    Responder
    • 29 de julho de 2014 a 21:41
      Permalink

      O que aconteceu contigo Douglas? traga mais detalhes.

      Responder
    • 2 de Maio de 2016 a 0:13
      Permalink

      péssima sensação nunca corri tanto na vida, areia da praia virou asfalto kkkk fly away?? fuck away isso sim!

      Responder
    • 26 de Janeiro de 2017 a 0:08
      Permalink

      Isso aconteceu comigo ontem, dá um vazio tão grande no peito.

      Responder
  • 13 de agosto de 2014 a 13:37
    Permalink

    Olá Pessoal, tenho um Phantom 1 com uma GOPRO Hero 3, um dia desses estava com ele fazendo testes com o WIFI ligado, ou seja…vendo por terra via tablet a filmagem. De repente o drone parou de responder e começou ir embora! Perdi completamente o controle do drone por várias ocasiões! Não voem com o WIFI da câmera ligada, realmente dá interferência! O meu único problema é que ele não capta a quantidade de Satélites para poder voar com segurança e escorrega sempre para o lado.( Parece ser bug de fabrica, pois tenho outro igual e pega os satelites normalmente)

    Responder
  • 1 de setembro de 2014 a 13:35
    Permalink

    Amigo, posso afirmar que tomei todos os cuidados apresentados no filme: Liguei 1o. o radio depois a bateria. Fiz a “dancinha” pra calibrar a bússola, aguardei a localização dos satélites. Voei, posei, desliguei o radio e o drone retornou ao ponto 2 vezes. Como possuo 2 baterias, fui alternando-as nos voos.
    Após +- 1 hora de brincadeira, a aprox 20 mts de altura, o drone simplesmente acelerou para a direira e SUMIU em direção à uma mata que existe proximo ao meu condominio.
    Parecia que o doido tinha adquirido vida própria, pois não obedeceu a nenhum comando. Achei que qdo perdesse o sinal do radio, retornaria ao HP, mas que nada, voou até que eu o perdesse de vista nas nuvens.
    Essa é a triste história de um DJI FC40.
    Fiquei com 4 jogos extras de helices, 1 bateria, uma camera (pq nao estava acoplada), um carregador e uma frustração enorme. Total do prejuizo: +-R$ 2.500,00

    Responder
  • 4 de setembro de 2014 a 14:21
    Permalink

    Amigos, eu tenho algumas experiencias negativas com o Phantom e queria compartilha-las. E aparentemente nao somos unicos. Existem muuuuuitss outras vitimas de flyaways e isso é’extremamente preocupante, ainda mais pq a DJI nao assume como um problema e tenta sempre colocar a culpa nos usuarios. Concordo que em muitos casos pode ser erro de operacao, mas a quantidade de gente experiente experimentando essa desgraca assusta. Segue um link de um blog que o cara aborda esse assunto e reune varios casos:
    http://www.photographybay.com/2014/01/14/dji-responds-to-phantom-flyaway-concerns-and-safeguards-in-phantom-2/#more-47040

    No meu caso eu ja experimentei 3 episodios e concordo com o Douglas que é uma sensacao terrivel. Ate pq na segunda eu estava trabalhando e meu cliente ficou extremamente frustrado em ver as imagens dele sairem voando e nao voltarem mais. Perdi o cliente!
    Mas vamos aos casos pra ver se conseguimos nos ajudar de alguma forma:
    A primeira vez aconteceu quando eu usava ha pouco tempo o Phantom1.1.0. Eu estava em Barra de Guaratiba, na Restinga da Marambaia, um lugar aberto, sem predios, com poucas casas e claro pouca interferencia aparentemente. Eu levantei ele e estava um vento razoavelmente forte. Ele saiu voando e nao voltou mais. Me senti um idiota por ter levantado o drone naquele vento contra os avisos de quem estava la comigo. Mas consegui recuperar ele pq caiu na praia e um conhecido achou e devolveu, mas tinha molhado a parte de baixo e estragou a GoPro e o Zenmuse. Com o tempo fui ficando cada vez mais cuidadoso e desconfiado, mas comecei a perceber tambem que aquele vento nao era tao forte ao ponto de levar o drone embora, pois peguei ventos aparentemente tao fortes quanto e o phantom consegue se manter, em alguns casos com um visivel esforco, mas nao sai voando a merce do vento como se fosse uma pena.
    Fiz uma viagem pra Bolivia e resolvi levar comigo pra fazer boas imagens. Nesse caso nao foi um flyaway mas vale a pena citar. Levantei ele em um lugar de muita altitude, fiz imagens realmente lindas, mas quando desci com ele, aparentemente por conta do ar rarefeito ele perdeu sustentacao e se espatifou no chao. Simplesmente nao parou, veio descendo e quando mandei parar ele continuou so parando quando chegou no chao. La se foi minha segunda GoPro
    A terceira experiencia terrivel! Eu estava fazendo um video pra um navio hotel. Era um trabalho bacana, de um cliente novo que me ligou deseperado pedindo pra ajuda-lo pq o fornecedor dele tinha furado com ele. Fomos pro meio do mar e comecamos a filmar. Dessa vez eu estava extremamente cuidadoso. Sabia que nao podia cometer os possiveis erros que poderia ter cometido da outra vez. Calibrei as bussola quando cheguei no local, checava a todo momento as sequencias do led p ver se estava td normal e comecamos a fazer lindas imagens. Cliente em estado de extase com o resultado e eu idiota nao baixei as imagens antes de fazer a ultima e derradeira decolagem. Desgraca anunciada! Decolei bem e fomos pra frente do navio fazer uma imagem ainda nao feita. Voei p frente da embarcacao em voltei na minha direcao, ele vinha bem, mas quando parei ele continuou e passou por mim a toda velocidade. Tentei de tudo mas ele nao respondia, ate que ele respondeu de forma precaria e mudou a direcao de novo passando novamente por cima de mim voando quase de lado de tanta velocidade que ia e descreveu uma curva pra baixo em direcao a agua. Pensei: Fudeu! Quando ia chegando bem perto da agua ele subiu mas continuou indo embora. Eu mudei a chave pro modo manual, tentei o home lock ou corse lock, desliguei o controle, mas nada axontecia e ele foi indo embora em direcao ao continente ate que perdi o sinal de video, o drone, a GoPro e o gimbal. Fiquei muito frustrado ate pq o cliente ficou chateado. Pensei em desistir. Mas ai saiu o Phantom 2 e pensei: esse agora vem com os bugs resolvidos. Consegui uma pessoa pra trazer pra mim entao eu resolvi comprar de novo. Fiz umas imagens lindas do Cristo Redentor pra BBC com ele, segue p quem quiser ver https://vimeo.com/104397815 , voo super estavel e imagens perfeitas com o novo gimbal de 3 eixos, depois fiz mais uns 2 trabalhos e estava super confiante. Ai viajei de novo, agora pro Chile e levei comigo. Em Peulla fiz uns 30 minutos de imagem perfeitamente, nenhum problema, depois cheguei em Puerto Varas e mais uns takes perfeitos, entrei no carro, nao coloquei a mochila na mala, e fui dirigindo pela estrada, cheguei num local legal e parei o carro, sai e fui fazer mais umas imagens. Liguei e ele marcou o home point, levantei voo, ele comecou a agir de uma forma estranha, se deslocando de lado quando eu soltava os controles. Eu tinha que ficar compensando lateralmente pra conseguir deixa-lo parado. Entao trouxe ele na minha direcao, mas ele veio e eu p[ercebi que nao ia parar, entao pulei e peguei ele no ar. Ainda bem que estava de casaco pq a porrada da helice me machucou mesmo de casaco, se estivesse sem p[rovavelmente teria um belo corte no braco. Fiquei encucado e queria ver o que acontecia. Como me parecia um lugar razoavelmente controlado, sem agua por perto, resolvi calibrar a bussola de novo e levantar um voo de teste. Calibrei, liguei, home point marcado, levantei ele a um metro do chao e fiquei cercando pra nao fugir. Aparentemente estava tudo bem, deixei ele por uns 2 minutos ali sob minha vigilancia e ele nao pareceu anormal, entao subi cerca de uns 3 metros. Ele deu umas piscadas laranjas e foi pra direita, eu puxei e ele veio demais na minha direcao mas dessa vez eu nao consegui agarra-lo, entao eu percebi que nao controlava bem a direcao mas controlava a altura, ai joguei ele na grama. Mas ele estava tao rapido que se espatifou num arbusto entortando o suporte do zenmuse e quebrando o plugue do miniiosd.
    Ja desentrotei tudo e refis o plugue e nao tive nenhum prejuizo maior desta vez, mas nao sei o ue fazer. Nao tenho como oferecer esse servico pra um cliente sem saber o que vao acontecer da proxima vez. Eu sugiro que todos comecem a reclamar com a DJI e a fazermos algum barulho, pois eles nao se posicionam a respeito. Nem pra discutir uma possivel solucao.
    Pra terminar, pelas experiencias que tive, percebi que quando ele da essa pane ele sai voando com muita velocidade em uma direcao. Chega a voar muito inclinado quase de lado. Uma solucao plausivel seria eles criarem um mode de voo seguro (safe mode) onde o drone nao atinge tanta velocidade. A impressao que tenho é que da uma pane na bussola e ela entende errado o controle, entao imagine o eixo direita esquerda, ela entendo que o zero nao é mais na posicao solta entao quando vc solta o controle ela admite um movimento em alguma direcao. O programa podia entender que quando vc voa com valores extremos em direcoes assim ele esta tendo um flyaway e deveria ter um mecanismo de defesa. Nao sei se voltar pro Home point seria possivel, pois se a bussola entra em pane nao sei se ele conseguiria encontrar o ponto, mas sei la, nitidamente ele desempenha uma performance que quase ninguem que esta filmando desempenha em um voo. Geralmente os voos pra filmagem sao mais cadenciados, ate pq se radicalizr muito comeca a aparecer as helices nas imagens. Bom, desculpem o testamento, mas to desesperado com isso. Abcs e bons voos.

    Responder
  • 4 de outubro de 2014 a 17:43
    Permalink

    Estive voando recentemente sobre linhas de transmissão elétrica para filmar, e em um momento estável do aparelho acenderam as luzes amarelas e o mesmo ficou sem comando algum pelo radio mas para minha surpresa ele retornou e pousou perfeitamente no home point, tive também um momento em que fiquei sem bateria e o mesmo retornou para o home point

    Responder
  • 8 de outubro de 2014 a 23:01
    Permalink

    Pessoal, perdi meu phantom por barbeiragem.
    Filmando em um zona rural com árvores, saí do range do transmissor de vídeo e sem estar absolutamente orienteado e familiarizado com o que eu via pela tela, não consegui trazê-lo de volta. Com calma pensei “aciono o return to home” e fico tranquilo. Só alguns (muitos) segundos depois que percebi que as árvores do local eram mais altas que os 20 metros de altura padrão do RTH. Resultado: nunca mais achei o phantom (nem a gopro3, gimball e tx). Tentei procurá-lo com o receptor de video mas em momento algum tive um ‘suspiro’ de sinal dele.

    Como sugestão para os amigos:
    1) Coloque etiqueta com seu nome e telefone no phantom. (como o meu caiu numa zona sem pessoas, isto não adianta)
    2) Mesmo para fazer um vôo rápido, dê o tempo para ele sair com sinal de gps.
    3) Na situação de stress, não acione o RTH direto. Utilize inicialmente o IOC para trazê-lo até uma distância suficiente para vê-lo bem. Só se isto não funcionar acione o RTH. Aliás: eu configurei a chave da direita na poisção de baixo para ser o RTH. Acho que vale a pena.

    Acho que vale a pena ajustar a altura do RTH para uns 60 metros. Assim não tem árvore, poste nem fio de luz que possa estar no caminho.

    RIP pequeno phantom….

    Responder
    • 13 de Fevereiro de 2016 a 21:35
      Permalink

      Prezados tive uma experiencia assustadora com o meu dji p2 plus. Apos fazer todos os procs pre voo decolei…aos 20 m o drone endoidou…deu uma guinada em direçao à uma BR, fez uma parábola descendente e atingiu ( graças a Deus) o solo justamente no acostamento. Caindo de ponta cabeça. Tenho a filmagem… um terror total.
      Depois disso a hélice frontal esquerda vive afrouxando e se solta sozinha em pleno voo… agora tenho.medo de decolar e ir a alturas maiores e ele cair direto

      Responder
    • 6 de Abril de 2016 a 13:20
      Permalink

      Ótima ideia. Vou fazer isso. 60 metros. Obrigado.

      Responder
  • Pingback: CHINA CRIA ARMA A LASER PARA DERRUBAR DRONES | PHANTOM BRASIL – DRONE

  • Pingback: COMO SINCRONIZAR O CONTROLE REMOTO DA GOPRO | PHANTOM BRASIL – DRONE

  • 2 de dezembro de 2014 a 17:52
    Permalink

    Aqui onde moro, perto de minha casa não dá para voar, o phantom 2 fica dando umas tremidas, giros rápidos de até uns 10 graus no próprio eixo, desliza lateralmente, sobe e desce bruscamente sem comando no controle e perde seguidamente o sinal de satélite. Moro em um local onde tem sinal de wifi. Mas a uns 150 metros de casa, consigo controlar tranquilamente o aparelho. Já levei alguns sustos ao perder ele de vista. Tenho receio de voar com vento. Colocar uma etiqueta com nome e telefone é essencial. Segue o link de meu primeiro vídeo acima da altura das árvores: https://www.youtube.com/watch?v=t5DVdYpAetE

    Jefferson.

    Responder
  • 13 de Fevereiro de 2015 a 2:26
    Permalink

    Bom galera tenho um fc 40 com câmera original… ele já tinha duas horas de voos normais… e essa semana ele ficou sem controle e saiu a mil pra direita e caiu em cima de duas casas… o drone se desmontou… perdi umas luzes que tinha a mais no drone.. levei um cagaço dos donos das casas… Tinha feito a calibragem da bussula, home point tudo certo… já tinha várias vezes voado nesse mesmo lugar…. mas agora estou com receio de voar novamente, parece q vai acontecer de novo… sendo que as pilhas do controle estavam bem carregadas pessoal… esses drones tem algum problema e bug de fábrica… comprei pra fazer filmagens aéreas… mas já falo com o DJI vc não deve confiar…. use pra hobby e sem medo de perder ele”certo que vai detonar com ele”.. e por fim.. o meu consegui de volta, arrumei ele e agora não saio mais longe doque 20 metros… porra do capeta.. tenho um syma e aquele não sofre interferência nenhuma pessoal…

    Responder
  • 16 de Fevereiro de 2015 a 19:13
    Permalink

    Acabei de sofrer um fly away pela segunda vez. Inexplicavelmente ele parte numa direção e vai sem parar até cair.

    Responder
  • 19 de Abril de 2015 a 1:12
    Permalink

    Ontem infelizmente perdi o meu Phanton 2 com um gopro hero4 novíssima.
    Do nada ele perdeu o controle e começou a sambar no alto e não tive mais controle dele.

    No momento da queda constava 10 satélites.

    O ocorrido foi na praia da Barra do Sahy do lado direito a uma altura de apenas 60 metros, não estava fazendo nada de mais, um simples voo, com bastante cuidado de costume.

    Caiu no mar em um local sem condições de ir tentar recuperar, independente de ser água do mar, queria ter recuparado, mas infelizmente ele não boia

    Foi PT, e meus sonhos de trabalhar com filmagens e fotos aéreas literalmente foram por água abaixo.

    Não consegui identificar o que realmente aconteceu

    Responder
  • 19 de Abril de 2015 a 1:23
    Permalink

    Nessa brincadeira, dancei em mais ou menos R$ 9 mil

    Responder
  • 25 de Abril de 2015 a 0:45
    Permalink

    Estou tendo problemas com meu Hexa com Placa Naza V1. Voa beleza quando quer e já pela terceira vez esse mês aconteceu que desliga os motores repentinamente, não entendo pois faço todas as configurações antes do voo, calibração de bússola com a dancinha e espero as dez piscada de luz verde para marcar o ponto de saída. Como pode acontecer se todos os cabos e configurações estão checadas? Estou muito desanimado pois já estava fazendo alguns trabalhos para empresas da minha cidade e ganhando uma graninha. , Por sorte não deu as panes enquanto filmava em locais públicos. Se alguém puder me dar uma luz agradeço!

    Responder
  • 26 de Maio de 2015 a 16:15
    Permalink

    Comprei um phantom 2 vision + e na primeira calibragem tudo ok, liguei o aparelho e ele voou com perfeição, nada anormal. Na segunda tentativa de calibragem, parece que ele nao encontrou o sinal gps e a calibragem nao deu certo piscando luzes vermelhas e ele nao liga; minha dúvida é a seguinte: nao ligar significa defeito, ou, por algum motivo ele pode nao ligar mesmo, tipo a calibragem deu errado, ou satélites de menos encontrados, e por segurança ele não liga? será? E outra, perto da minha casa tem antena de radio fm, antena de policia militar e torre de celular, isso afeta o funcionamento?

    Responder
  • 26 de junho de 2015 a 14:57
    Permalink

    Boa tarde amigos…

    Meu dji phanton 2 v.2, quando na decolagem inclina ao passo de tocar as hélices no chão e não levantar voou…

    O que pode ser…

    OBRIGADO

    Responder
  • 4 de julho de 2015 a 15:32
    Permalink

    Alguém tem noticia ou experiência com fly away com um DJI S1000?

    Responder
  • 4 de julho de 2015 a 19:01
    Permalink

    SE VOCE MUDAR LOGO PRO MODO ATTI QUANDO O ESTÁ A TER UM FLY AWAY, VC TOMA CONTROLO DO APARELHO E NÃO O GPS, SERÁ QUE ISSO PODE AJUDAR??

    Responder
  • 5 de julho de 2015 a 14:18
    Permalink

    Ola João

    Ontem filmando uma área residencial o drone começou a perder altitude e cair lateralmente até bater no chão.

    Para minha sorte uso hélices de fibra de carbono, isso fez com que o drone batesse no chão e parasse.

    Mais isso aconteceu de forma inexplicável enquanto eu ia pousando ele.

    Responder
  • 18 de julho de 2015 a 2:23
    Permalink

    Acabei de perder meu phantom 3 por bobeira pois estava a 2km de distância e não consigui retorna a tempo nesse sistema não possui um relato de voou aonde ele informa o locar do último sinal de GPS? ?

    Responder
  • 18 de julho de 2015 a 20:57
    Permalink

    Ola , acabei de perderu meu drone phantom 2 , ele decolar e foi embora sozinho , nao entendi,ele subiu normal , em determinado altura ele seguiu e foi embora, estou aqui sem entender ate agor, rodei toda minha cidade que e pequena , e ninguem viu, fiz todos os procedimento necessarios, nao e o meu primiero voo, mais sinceramente nao quero mais nehum.

    Responder
  • 18 de agosto de 2015 a 19:08
    Permalink

    É pessoal, tenho um DJI Phantom 3 pro, estávamos filmando em uma empresa distribuidora de gás, aqui em Minas Gerais, eis que de repente o aparelho perdeu completamente o controle, não desejo isso a ninguém, por pouco não causamos um acidente de proporções catastróficas… Se o drone entrasse na área de envaze de gas e provocasse alguma faísca, nem quero pensar!!! bem mandamos para o vendedor avaliar, mas estou extremamente descrente desse drone, perdi a confiança… vai que estamos filmando a 300mts de altura e esse negócio despenca na cabeça de alguém!!! tragédia. O negócio não é só o prejuízo, mas os processos que isso pode envolver. Acho muito fácil para o fabricante falar que não se deve voar com ele em vários lugares, mas e aí se estamos voando estamos sujeitos a passar sobre alguma área desse tipo.

    Responder
    • 16 de novembro de 2015 a 4:31
      Permalink

      Caraca! mto prejuizo!! as imagens q ele eh capaz eh animal! mas essas instabilidades me incomodam muito .

      Tive um problema com o Return to Home, não sei o que pode ter acontecido ou se esqueci de algo, fiz um video explicando com o voo,

      Obs: No mesmo voo testei 3 x o Return to Home, quando fui um pouco mais longe (700m), e dei um Return to Home, ele se perdeu na volta.

      video do desastre:
      https://www.youtube.com/watch?v=a-gHExWl20s

      Responder
  • 10 de novembro de 2015 a 23:09
    Permalink

    Estou comprando um Phantom 3 Pro, mas depois do que li aqui, fiquei muito preocupado de perde-lo…..
    Existe outro modelo que não dê esse problema de fly away?
    Abraço,
    Luiz

    Responder
    • 24 de novembro de 2015 a 15:57
      Permalink

      O risco existirá sempre. Até um avião comercial com 200 pessoas a bordo dá problemas. O negócio é ser muito responsável para minimizar os riscos. Mas eliminar as chances de algo dar errado, impossível.

      Responder
    • 5 de Janeiro de 2016 a 4:48
      Permalink

      amigo aconselho a vc colocar uma etiqueta nele com seus dados, e exite um tipo de rastreador que vende no mercado livre creio que vc consiga adaptar ele no seu drone, pois se por ventura acontecer um Fly away, vc vai conseguir localizá-lo mesmo se estiver sem a bateria.

      Responder
  • 18 de novembro de 2015 a 10:50
    Permalink

    tenho um phantom 3, mas ontem tava fazendo um voo e estava a 1300 m de distancia e estava tudo bem, o sinal começou a picar aí mandei voltar pra base ele obedeceu e estava voltando, como o tempo estava legal e eu estava gravando, desliguei o comando de voltar e passei direto pela base, uns 200 m depois ele picou o sinal, mandei voltar mas ele não conseguiu enviar o comando e perdi o drone, to meio sem esperança de achar 🙁 lá foram se 7 paus pra janela…

    Responder
    • 5 de Janeiro de 2016 a 4:25
      Permalink

      cara estou na mesma situação que vc.

      Moro Em Santo André São Paulo
      Esse final de semana exatamente no dia 30/12/2015 desci para Baixada Santista na casa de um amigo, e levei meu Drone Phantom 3 Pro para tirar algumas fotos, quando estava descendo a serra para praia parrei em uma parada de emergência para carros e decidi subir com meu Drone, até ai tudo bem marquei o home point e sui com a aeronave tirei algumas fotos e decidi subir um pouco mais cerca de 200 m, ai começou meu pesadelo ele pegou uma forte corrente de vento e começou a se distanciar de mim, no exato momento apertei o o botão (Go home), vi a câmera do aparelho virar para minha direção mas, não teve nenhum sucesso, o aparelho começou a se distanciar cada vez mais e mais, ate que acabou a bateria e acabei perdendo meu aparelho na serra, muito triste.
      Ai vem a pergunta sera que existe algum tipo de localizador dentro do equipamento, assim como a nos celulares que mostre sua localização mesmo desligado. Se alguém souber de alguma coisa relacionada e puder me ajudar, pois estou muito mas muito chateado mesmo, imagina só vc perder uma equipamento de 7000,00 é triste, kkkkk

      Responder
    • 31 de Janeiro de 2016 a 0:06
      Permalink

      Que coisa.
      Eu mesmo nem consigo usar a sua bateria porque não carrega no carregador por defeito.
      Esses drones não são confiáveis.

      Responder
      • 27 de outubro de 2016 a 6:49
        Permalink

        Quando der erro ao carregar vc deve pressionar o botão da bateria por dois segundos e aguardar o procedimento de início de recarga caso nao iniciar repita novamente até o erro parar.

        Responder
  • 19 de novembro de 2015 a 4:02
    Permalink

    Existe alguma maneira de recuperar a ultima coordenada informada no FPV.

    Responder
  • 24 de novembro de 2015 a 15:54
    Permalink

    Não tem jeito. Muita gente erra e perde o drone, mas outros muitos saem voando ou perdem o controle sem explicação. Voava com um colega e eu era assistente. Após vários voos um dia o drone voou na diagonal direto pro chão. Danificou muito. Tempos depois comprei o meu próprio e sempre fui meticuloso e seguia todas as regras. Eu achava que estaria seguro fazendo o ritual de calibração sempre (até quando trocava bateria), mas não. Logo no segundo voo o Phantom resolveu ter vida própria. Não importava o que eu fazia. Ao se distanciar não voltou mais. Deve ter se perdido em meio a mata. Impossível recuperar. Jamais se comprometam a fotografar ou filmar, principalmente se for em uma localidade distante, pois existe a possibilidade do equipamento ser perdido.

    Responder
  • 11 de dezembro de 2015 a 17:45
    Permalink

    cara tava eu em campode futebol todo feliz e ai o drone subiu e subiu fiquei desesperado e ai ele começou a cai caiu em umatagal e nunca mais achei aff triste meu 1 voo

    Responder
  • 12 de dezembro de 2015 a 23:20
    Permalink

    Olá, comprei um phantom 3 standard com câmera, completo, estou com ele a duas semanas mais ou menos, não tive problemas graças a deus. Mas percebo q não consigo ir muito alto, será q está com alguma configuração errada?
    Mas agora lendo esses depoimentos fiquei com um medo.
    Será q e tão perigoso voar com esse aparelho?
    Abraços a todos

    Responder
    • 5 de Janeiro de 2016 a 4:22
      Permalink

      sim é configuração entre no aplicativo DJIGO la dentro a opção que limita a altura

      Responder
    • 9 de Fevereiro de 2016 a 22:51
      Permalink

      Amigão, eu também tenho um phanton 3 standard, da o mesmo problema em relação a altura.
      Faço um voo de 50m de altura e o mesmo ja perde o sinal e retorna.
      Vou comprar uma antena booster que dizem ser muito boa, pode ser que melhora.
      Defletor Antena Range Booster.
      Forte abraço!!!

      Responder
      • 20 de junho de 2016 a 21:06
        Permalink

        Oi! Estou com o mesmo problema! Comprei um signal booster e continuou com o mesmo problema! Conseguiu resolver??

        Abraço

        Responder
    • 4 de Abril de 2016 a 3:36
      Permalink

      Rapaz, tive um problema de perda de sinal hoje à tarde com o meu Phantom 3 Standard. Por 2 vezes ele deu perda de sinal quando eu estava a uns 25 metros de altura e a uma distancia de 30 metros, aproximadamente. Fiquei preocupado pois estava em um local proximo à praia e o vento, apesar de não estar muito forte, era constante. Na primeira vez eu consegui recuperar o sinal assim que ele passou acima do ponto onde eu estava. Desci imediatamente e refiz todo o procedimento de calibração. Fica logo cheio de curiosos em volta e vc se sente meio bobo fazendo a “dança da DJI”; enfim, resolvi subir novamente e, quando me preparava para fazer um POI, ele perdeu o sinal. Para a minha preocupação, ele estava mais alto e mais distante. O RTH entrou em ação após 10 segundos sem sinal no RC. Graças a Deus deu certo. Mas fiquei com uma sensação muito ruim, de que iria perdê-lo. Decidi não subir mais. Cosegui fazer um pequeno video. Se estiver afim de ver, é só acessar o youtube e digitar Ilha do Amor 2. Não ficou legal. Está com um aspecto de travado (lag), fazendo parecer que o Phantom rotaciona como se estivesse preso a um cabo. Preciso aprender, e muito, a configurar o aparelho para fazer coisas boas nos videos. Abcs meu amigos!

      Responder
  • 27 de dezembro de 2015 a 22:19
    Permalink

    Marcelo, me dei um de presente esse natal e tenho voado pelo menos uma vez por dia pra aprender. Ele vem no modo Beginner por isso fica limitado a 30mts, mas você pode entrar nas configs do app e mudar isso. O meu levantei hoje a 240mts do chão e uns 300mts pra frente, mas aí começou a dar um alerta de Weak e se perdeu mas na mesma hora acionou o RTH e quando consegui ver ele desliguei o RTH e assumi o controle. Pra falar a verdade só fiz certo porque treinei antes no Simulador de voo do App e mantive a calma. Se bem que deu um freado de bicicleta na minha cueca!

    Responder
    • 27 de setembro de 2016 a 7:33
      Permalink

      O que você fez foi corretíssimo.
      O segredo e ficar calmo e racional senão poderá cair

      O treinamento no simulador muitos não gostam de fazer, e quando ficam nervosos, começam a apertar tudo que é botão

      Responder
  • 4 de Janeiro de 2016 a 12:17
    Permalink

    Não dá pra entender. Já tinha voado entre edifícios com antenas e rádio e celular, já tinha voado em locais não muito indicados. Aí vou voar em um local ideal, um campo enorme sem nada pra atrapalhar, com vários satélites disponíveis e o que acontece? O aparelho simplesmente começa a voar sem controle. Tentei de tudo e nada. Começou a acelerar e caiu em um lago que eu nem queria sobrevoar. É uma droga, você voa e fica na expectativa se as coisas vão acontecer como planejado ou se o drone vai ter vida própria e fugir.

    Responder
  • 5 de Janeiro de 2016 a 4:20
    Permalink

    Gente essa sensação é horrível. Terrível.
    Moro Em Santo André São Paulo
    Esse final de semana exatamente no dia 30/12/2015 desci para Baixada Santista na casa de um amigo, e levei meu Drone Phantom 3 Pro para tirar algumas fotos, quando estava descendo a serra para praia parrei em uma parada de emergência para carros e decidi subir com meu Drone, até ai tudo bem marquei o home point e sui com a aeronave tirei algumas fotos e decidi subir um pouco mais cerca de 200 m, ai começou meu pesadelo ele pegou uma forte corrente de vento e começou a se distanciar de mim, no exato momento apertei o o botão (Go home), vi a câmera do aparelho virar para minha direção mas, não teve nenhum sucesso, o aparelho começou a se distanciar cada vez mais e mais, ate que acabou a bateria e acabei perdendo meu aparelho na serra, muito triste.
    Ai vem a pergunta sera que existe algum tipo de localizador dentro do equipamento, assim como a nos celulares que mostre sua localização mesmo desligado. Se alguém souber de alguma coisa relacionada e puder me ajudar, pois estou muito mas muito chateado mesmo, imagina só vc perder uma equipamento de 7000,00 é triste, kkkkk

    Responder
  • 20 de Janeiro de 2016 a 13:59
    Permalink

    Tenho um phantom 3 standard com poucas horas de voo,. Descobri que está trincando a carcaça abaixo dos rotores, sendo que sou muito cuidadoso e ele nao levou nenhuma queda ou choque.
    Alguem ja passou por isso? Qual o risco de continuar voando?

    Responder
  • 28 de Janeiro de 2016 a 23:03
    Permalink

    Tenho um Phantom 2 com uma gopro hero 3. Ainda não aprendi a pilotar, mas pelo que vejo aqui o negócio não é brincadeira. Acho que vou desistir de trabalhar com o meu e vou vendê-lo, antes que eu tenha um prejuízo enorme.

    Responder
  • 31 de Janeiro de 2016 a 0:04
    Permalink

    Ví relatos de pessoas que compraram o drone Phantom 3 tiveram problemas sérios até com a câmera e não trocaram o produto mesmo sendo legalizado.
    Até de elice que não travava e outros problemas.
    Esse problema dele ficar sem controle é mais um motivo de ser um produto ruim.
    Ainda mais sendo da China.
    Eu mesmo nem consigo carregar a bateria do drone por defeito no carregador.
    Recomendo evitarem a compra do drone Phantom 3.

    Responder
  • 1 de Fevereiro de 2016 a 16:27
    Permalink

    Sou novo em voos.
    Comprei um Phanton 3 standard.
    Nos meus poucos voos, em não vai mais alto que 90 e perde o sinal. Depois ele aciona o RTH e pousa tranquilo.
    Ainda não testei voar em outros lugares . Só voei em SP ( parque das perdizes).
    Será que é algum tipo de interferência que faz ele ter tão pouca autonomia de contato com o controlador?
    Obrigado

    Responder
    • 31 de dezembro de 2016 a 21:44
      Permalink

      Sim, interferência de Wi-Fi e ou torres de celular

      Responder
  • 2 de Março de 2016 a 13:34
    Permalink

    Estou com uma duvida, eu tenho um phantom 2 o controle do mesmo estragou, comprei um novo controle Remoto Dji Phantom mas eu não sei como fazer a configurar deste novo controle, você pode ajudar.

    Desta de já agradeço a sua atenção!

    Responder
    • 6 de Abril de 2016 a 13:31
      Permalink

      Caro Denis, tem alguns vídeos informando sobre tal procedimento no YouTube mas, vamos lá:
      1º ligue rádio e aeronave;
      2º mova o controle do gimbal totalmente para cima e segure por alguns segundos;
      3º a partir daí, toque na chave superior esquerda (S2) várias vezes pra cima e para baixo que ele vai entrar no modo de reconhecimento do novo RC…
      Pronto!

      Responder
  • 14 de Março de 2016 a 4:41
    Permalink

    Caro Lucas.
    O meu e um modelo advanced.
    A carcaca esta trincada da parte de cima proxima dos rotores.
    Pode ser material defeituoso e fragil.

    Responder
  • 14 de Março de 2016 a 4:44
    Permalink

    Pode ser material fragil e aquecimento anormal dos rotores.
    O meu esta com trinca em duas pontas

    Responder
  • 14 de Março de 2016 a 19:56
    Permalink

    Comigo aconteceu algo terrível hoje, estava com a “calibragem OK”, vento menor que 15km/h, dia ensolarado e com 16 de sinal de satélite, decolei ele na praia, mantendo uma distância dos edifícios, e filmando a praia. Até ai tudo bem, com 47% de bateria ainda, o drone, do nada a uma distância de mim com as antenas em angulo de 45°, em fim, com todos os cuidados do fabricante, o drone entrou no temido Fly Away, e saiu em direção a um prédio. Bateu na janela, quebrou a janela, saiu voando em direção a um posto de socorristas e caiu na praia. Resultado, um proteção de led arrancada, o gimbal, o suporte partiu no meio, a camera não quebrou a lente nem arranhou, mas o flat rachou, e se separou do gimbal. Frustado de mais um Phantom Profissional 3 de 8mil reais com menos de um mês de uso, com tudo que o fabricante recomenda e com todos os cuidados, perder sinal a 80m do rádio? Com 16 de sinal? Sério, decepção total!

    Responder
  • 20 de Março de 2016 a 19:23
    Permalink

    E terrível esse sintoma dos drones dji Phantom.
    Eu passei por uma experiência ruim com um drone Dji Phantom 3 Advanced novo em folha.
    Como esse modelo pode ser usado o sensor ultra-sônico utilizei para vôo dentro da minha sala e o comando tak off , decolar.
    Ele ficou parado a 1,2 metros e de repende tomou direção para a direita e nao consegui corrigir batendo com violência, danificando a ponta de um móvel da sala., caindo no chao.
    O prejuizo foi de rachaduras em duas pontas do drone e uma abertura pequena na carenagem.
    Aparentemente nao houve outros danos.
    Vou levar para avaliação na assistência técnica e talvez apenas da carenagem.
    Por incrível que pareça as hélices nao quebraram.
    Depois disso parei de usar esses drones.
    Tem relatos de especialistas que o Dji Phantom nao e confiavel pelo Algoritimo utilizado, dando o fly away.
    Por isso muito cuidado ao usar.

    Responder
  • 30 de Março de 2016 a 15:51
    Permalink

    Bom dia galera.
    Já tenho o Phantom 1 v2 a alguns anos e nunca tive problemas, deixo sempre completar o procedimento padrão, de marcar o local de retorno e localizar os satélites para o GPS. Meu rádio é 5.8ghz não sei se tem muito haver isso, também nunca tive problema com perda de sinal. Uso para hobby, coloquei uma câmera sj4000 1080p uso o suporte padrão da câmera go pro e estou bem satisfeito com as gravações de vídeo que faço com ele.
    Bons vôos para todos!!!

    Responder
  • 3 de Abril de 2016 a 10:43
    Permalink

    Meu drone recém comprado com apenas 18 vôo esta trincando na onde os motores é parafusado, onde sw viu pagar 6 mil em um equipamento deste e sofrer estes problemas.

    Responder
  • 6 de Abril de 2016 a 13:30
    Permalink

    Bom dia pessoal.
    Já tive várias perdas de controle no meu PHANTOM2 VISION, mas graças a Deus em todas ele voltou automaticamente.
    Uma das das vezes ela pareceria que não voltaria. Continuou na direção em que o dirigida mesmo depois de enviar o comando para parar. Perda de controle. Então foi orar e esperar… depois de alguns metros ele para e retorna, mas ao chegar na direção do pouso começa a subir. Desespero de novo. Depois desce suavemente. Fuga!! Graças a Deus.

    Responder
  • 7 de Abril de 2016 a 14:44
    Permalink

    Puts galera!
    Estava querendo pegar um phantom 3 advanced pra fazer umas imagens para um canal do youtube que eu e minha esposa temos, mas depois do relato dos colegas acima estou com um pouco de cagaço, alguém recomendaria outra marca, mas ou menos na mesma faixa de preço, mas que seja mais confiável?

    Responder
  • 11 de Abril de 2016 a 22:15
    Permalink

    Tinha relatado sobre o Phantom Advanced que bateu na parede dentro da minha sala e trincou duas pontas da shell porque tinha saido de controle no modo sensor ultrassonico.
    Levei na Assistencia na Santa Efigenia em S.Paulo e foi trocado a shell alem do servico que e muito trabalhoso.
    Aproveitei para pedir uma revisao geral, calibragem e ugrade do firmware.
    O prejuizo ficou em 1.000,00 reais.
    Felizmente foi so a Shell danificada e uma helice trincada.
    Ficou bom.
    Depois dessa abandonei o voo indoor dentro de casa.
    Recomendo evitar esse voo para nao ter prejuizo e risco de acidente de ferimento.
    Para mim o sensor ultrassonico do phantom indoor nao e seguro.
    Tenham cuidado e perigoso!!
    Prefiram voar em local aberto e externo e praticar o simulador do programa DJI GO.

    Responder
  • 11 de Abril de 2016 a 22:16
    Permalink

    Corrigindo … upgrade do firmware….

    Responder
  • 21 de Abril de 2016 a 18:12
    Permalink

    Eu tenho um Plantom 3 advanced, hoje de manhã fiz a calibragem e tudo ok, sinal na tela verde, liguei os motores, voei um minuto cerca de 1 metro do chão, então subi cerca de 18 metros, então o mesmo começou um apito de pânico, e imediatamente caiu, quebrando todo, mandei mensagem para o fornecedor, mas ainda não respondeu, achei muito estranho, não havia arvores, fios e nada para ele bater, simplesmente barulho de apito tipo pânico e caiu. Complicado

    Responder
  • 18 de Maio de 2016 a 4:51
    Permalink

    comprei phanton 3 standard e fiz o primeiro voo normal, com poucos satelites apenas 3, tudo certinho, mas o sinal da filmagem chegava falhando isso é normal? falei com o vendedor ele falou que era, nao concordei com isso… em relação a perder a aeronave recomendo colocar um rastreador, coloquei no meu e se ele sumir aciono o rastreador e entro na mata, rs… abraço

    Responder
    • 23 de Maio de 2016 a 23:13
      Permalink

      Caro marcelo não é normal ficar travando,mas não necessariamente seja um problema do standard e sim mais comum no seu smartphone que deve estar bem cheio, tente apagar programas etc deixar a memoria mais vazia deve resolver!!! E aproveitando para dizer que não é bom tentar fazer voos muitos distantes pois já passei uns cagaços com o meu aqui com perda de sinal FICA LIGADO SENÂO PERDE MESMO!!!! abço.

      Responder
  • 22 de Maio de 2016 a 14:10
    Permalink

    Fala aí galera blz???
    Comprei um Phantom 2 Vision + usado com pouco tempo de Vôo é simplesmente impecável na conservação!!!
    Faço todos os procedimentos de Vôo certinho mas no aplicativo marca 0% de bateria mas a bateria está cheia e satélites tbm não aparece nenhum!!!
    Alguém pode me falar que pode ser???
    Contatei o ex dono e ele falou que isso nunca aconteceu com ele e que pode ter acontecido algo com ele no transporte!!!

    Responder
  • 24 de Maio de 2016 a 5:18
    Permalink

    Tive um p1 tbm é tive essa triste história sempre voei com cuidado tomando todo cuidado ingrlizmente perde ele é uma go pro hero 3 Black prejuízo enorme p1 e muito bom porém esse problema agora tenho um p3 standart outro aparelho totalmente diferente muito confiável mesmo assim não confio 100% nele não

    Responder
  • 25 de Maio de 2016 a 0:56
    Permalink

    tenho um Phantom 3 standard e ja fiz varios voo com ele hoje do nada a bateria estava em 20% ai ele acionou o go home e quando estava procximo de pousar 1 metro do chão foi do nada pro lado e caiu no asfalto danificou a merda das elices e mais nada, mais da medo…. sinistro tem alguns videos meus no youtube

    https://www.youtube.com/watch?v=vRfetWDeqYs

    Responder
  • 28 de Maio de 2016 a 14:30
    Permalink

    Não tenho phantom mais tinha um F450 com controladora NAZA que é da DJI mesmo fabricante do phantom, sempre tive todos os cuidados possíveis, sempre aguardei ele conectar a todos os satélites possíveis antes de decolar e mesmo assim ontem ele resolveu criar vida e voar sozinho, estava alto o suficiente para não colidir com nada tendo assim um caminho livre para voar durante 10 minutos que era sua autonomia, perdi o f450 com gimbal, câmera, fpv, osd, bateria de 3500mah, motores dji.
    Resumindo, prejuízo grande e nunca mais quero saber da DJI, pq por mais que você seja cuidado ainda sim esta sujeito a perder tudo e os relatos de flw away com equipamentos da DJI são grandes.

    Responder
    • 31 de Maio de 2016 a 22:29
      Permalink

      Foda hoje tive 2 fly away o meu phantom 1 estava baixo uns 2 metros do chao ai do nada ele pendeu para o lado e foi indo rapido e nao obedecia os comandos sorte minha que tinha uma parede de um galpão de um amigo,entao ele bateu na parede e caiu sorte nao aconteceu nada,ai fiquei na duvida do acontecido e levantei de novo mas nem baixo menos de 2 metros do chao,ficou normal ums 2 minutos depois saiu doido de novo e bateu em um carro estacionado no local,ppr sorte nao quebrou nada so deixou avarias na carcaça,…resumindo to fora da dji vou vender e comprar um mini scarlete wingsland top..tive um numca deu esse problema..;)

      Responder
      • 3 de junho de 2016 a 12:59
        Permalink

        Primeiro passo é rever os parametros dele e refazer as calibrações e também a “dancinha” antes de mais nada. 🙂

        Responder
  • 17 de junho de 2016 a 1:36
    Permalink

    Ia comprar um, mas depois dos comentários aqui descritos, resolvi comprar um binóculo e uma caixa de Skol geladinha, agora vou para um point que tem aqui para decolagens de Phantom, e fico tomando cerveja e vendo com o binóculo, os drones indo embora (pra algum cemitério de drones) e os donos chorando e jogando os controles no chão e pisando.
    Tem gente já amarrando linha de pipa no drone pra traze-lo de volta kkkkkk
    Até agora só quebrei um Syma, que foi parar em Syma de um telhado.
    Desculpem o comentário, mas como só vi tristeza aqui, quis alegrar o ambiente kkkk

    Responder
    • 4 de setembro de 2016 a 14:03
      Permalink

      rssssss…… de boa… uma duzia de tristezas para milhares voando… meu 3 nunca deu trabalho..faço topografia com ele… só ser cauteloso seguir procedimentos e não achar que é um top gun…. enfim falhas acontecem.. ate com ferraris…rs

      Responder
    • 29 de dezembro de 2016 a 5:36
      Permalink

      Kkk kkk puta que pariu cara quase me mata kkk eu aqui tenho 15 anos vou ajuda minha avó por 5 meses pra compra um p3 adv

      Responder
  • 21 de junho de 2016 a 1:32
    Permalink

    Vejo comentários recentes e ainda persiste a insegurança desse drone da DJI.
    Eu tenho dois, um Advanced que teve que trocar a carcaça por acidente pequeno sem motivo e outro Standard Phantom 3 que estão parados em casa.
    Só uso o simulador para treinar.
    Foi um dinheiro perdido!
    E uma pena que este equipamento seja tão inseguro e fraco, mesmo sendo famoso e prestigiado.
    Qualquer queda os danos são prováveis, principalmente da carcaça que quebra e trinca.
    O Phantom 4 lançado recentemente, deu a impressão de ser mais frágil, por ser mais fino.
    Os leds ficam embaixo dos rotores e são circulares e pequenos não sendo fácil de visualizar mesmo em pequenas distâncias e é muito caro.
    Pior nesse ponto.
    O Phantom 3 os leds são grandes e ficam nas abas sendo mais visíveis.
    O anti colisão do 4 só funciona em objetos grandes, como paredes, muros.
    Objetos pequenos, galhos de árvores, telas de arame ele não vê e pode colidir com violência.
    Só funciona durante o dia. A noite só se tiver uma iluminação adequada.
    E só para objetos de frente, dos lados e atrás não enxerga por causa das câmeras serem de frente aonde ficam as lentes das câmeras e se tiver no modo esporte ele não funciona.
    Como disseram neste fórum, em modo gps ou sensor de som do Advanced e Professional e o Standard no GPS, o drone não se mantem estável na vertical, saindo de trajetória, mesmo ajustando ele de acordo com o manual e orientações de especialistas.
    É uma pena!
    Diante destes problemas, recomendo não comprarem o DJI Phantom, sob pena de danos e riscos de acidentes com terceiros.
    Não é um bom negócio da China!

    Responder
  • 8 de julho de 2016 a 23:28
    Permalink

    Meu drone Phantom 3 standard chegou segunda, porém ele so vai ate 30m de distância e 30m de altura. O que poderá ser?

    Responder
    • 4 de setembro de 2016 a 13:59
      Permalink

      esta em modo de segurança… reconfigure

      Responder
    • 16 de setembro de 2016 a 2:42
      Permalink

      Amigo, seu drone está no “beginner mode”, ou modo de iniciante, que limita a distância para que o drone não saia do seu campo de visão.

      Responder
  • 18 de julho de 2016 a 22:53
    Permalink

    boa noite, recentemente tive um incidente com meu drone DJI PHANTOM 2 VISION, fui decolar com ele e não me dei conta de um fio de luz que atravessava bem em cima de mim, resumindo, o drone bateu no fio e caiu descontrolado, por fim o suporte da minha camera quebrou.. a camera funciona normalmente, porem nao fica bem fixada no drone. Gostaria de saber se existe algum lugar onde posso comprar a camera dele separado. se alguém puder me ajudar pode entrar em contato comigo no email: fabio@raupp.com.br. vale lembrar que o modelo do meu drone e o phanton 2 vision e não o vision +(plus) pois varias pessoas confundem. obrigado

    Responder
  • 19 de julho de 2016 a 17:24
    Permalink

    Boa tarde
    Tenho phantom 4 com ipad mini 2 e a imagem travando, congelando , com listras coloridas. Alguém pode me ajudar ?

    Responder
  • 13 de outubro de 2016 a 0:35
    Permalink

    Hoje rolou um fly way e perdemos nosso Phantom 4!!!! Estamos péssimos……..

    Responder
  • 25 de outubro de 2016 a 2:45
    Permalink

    Galera, só vim parar aqui pq aconteceu comigo !. comprei meu Phantom 3 Advanced. desde o primeiro dia, tive o total cuidado na hora do võo. assistí varios videos de como controlar o phantom só assim pra depois decolar o meu Drone.
    então. posso garantir que já domino bem o controle do phantom, já perdí até a conta de quantos võos ja fiz com ele. sempre tive muita cautela, verificar os satelites, calibragem do controle e do proprio drone, só decolar depois que marcar o Home Point. no dia 20/10/2016 era pra ser uma noite que nem as outras, fui colocar meu phantom pra fzr mais um voo, quando depois de alguns minutos ele do nada da meia volta e pousa em um local q ñ tem nada haver com o ponto de partida, passei uns 10 minutos de desespero, já tinha dado ele como perdido ou danificado por uma queda ou colisão, sempre gostei de ir o mais longe possível e nunca tive problema, pois sempre confiei 100% no “Home Point” até nesse dia!. graças a Deus ele pousou no meio da avenida sem dano algum e uma pessoa viu na hora que ele baixou e o guardou ate aparecer o Dono.
    então galera, vamos ter mais cuidado, pois graças a Deus tive um final feliz.

    Responder
  • 21 de novembro de 2016 a 1:59
    Permalink

    Perdi hoje meu advanced. Ele começou a perder sinal, no que já dei go home, ele virou para minha direção, começou a rodopear, virou para outro lado e foi perdendo altura até cair na mata. Tentei dar altura, tomar o controle da situação mas infelizmente perdi. Um bom tempo para refletir agora se vale a pena comprar outro brinquedinho da mesma marca…

    Responder
  • 25 de novembro de 2016 a 13:14
    Permalink

    OLA TENHO UM P4 E MESMO COM 15% DE BATERIA (ULTIMA LEITURA ANTES DA QUEDA), NO PROCESSO DE ATERRIZAGEM ELE DESLIGOU SOZINHO A +/- 10M DE ALTURA E ESPATIFOU-SE NO CHÃO.
    ALGUMA COLOCAÇÃO PLAUSÍVEL?

    Responder
  • 22 de dezembro de 2016 a 10:40
    Permalink

    Tenho um standard e ele não ta mais acionando modo GPS com a chave S1 na posição superior só aciona GPS quando coloco na inferior em multiple modes.. Alguma explicação?

    Responder
  • 31 de dezembro de 2016 a 22:07
    Permalink

    Olá pessoal, estava em Caraguatatuba com um Phantom 3 standard quando a 57mts de distância é +- 40 de altura, houve uma perda de sinal entre o controle e a aeronave, fiquei tranquilo pois avia feito todos os procedimentos necessários para levantar voo, quando vi ele passando acima de mim, onde era seu HP., É foi ao mar uns 100mts +-. Quando começou a desser, então eu apavorado com água na cintura vendo que ele estava perdido, então acalmei e percebi que o sinal voltou a ficar verde, eu abortei o hp e coloquei em modo atti e consegui trazer de volta. Que mega susto que levei.
    Feliz ano novo à todos e voem com cuidado

    Responder
  • 14 de agosto de 2017 a 21:40
    Permalink

    olá boa noite ontem dia dos pais estava voando com phaton 3 stander na regiao de guarulhos no bosque maia. estava voando normal ate que apareceu uma mensagem interferencia magnetica, e nisso vim trazendo ele ate onde saiu pelo home point aonde eu estava.. quando estava chegando ate mim,. apareceu a mensagem erro batery detalhe minha bateria estava com 84 por cento ainda… foi um voo de apenas 4 minutos, em seguida as luzes todas apagaram e infelismente caiu em cima de um carro onde estava estacionado quebrou o parabrisa do carro e o drone deu pt quebrou todo. alguem ai sabe o que pode ter ocasionado. nunca ouvi falar de o drone cair dando erro batery, sera que alguem sabe dizer se o problema foi do drone.. nao existiu nenhum tipo de erro humano. obg a todos

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *